Policiais do 24°BPM, a comando do Capitão Orrico, realizavam na noite da última terça-feira (21/05) uma patrulha pelo Bairro Guandu em Engenheiro Pedreira, quando foram surpreendidos por homens armados que realizaram disparos de arma de fogo contra a guarnição. A operação tinha o intuito de repreender o tráfico de drogas, roubo de veículos e reforçar a segurança do local.

Após troca de tiros, 3 sujeitos com identidade ainda não revelada, nomeados “PIXOTE”,  “QUEIXINHO” e  “FU”, foram capturados já baleados e levados a Policlínica Itália Franco, em Japeri. Com eles, foram apreendidos uma grande quantidade de material entorpecente, que ainda será contabilizada, 01 (um) fuzil Colt 55602 (duas) pistolas 4002 (duas) granadas defensivas01 (uma) granada fragmentada. Também foi recuperado um  Jeep Renegade 2015/2016 preto, placa PWL5713 – RIO DE JANEIRO/RJ.

Apenas um dos sujeitos encontra-se internado, os outros dois não resistiram e foram a óbito.

Moradores afirmam que bandidos atearam fogo em um ônibus da linha Gardel, na altura do Campo do Vila Central, e anunciaram toque de recolher na região. As especulações são de que a revolta foi motivada devido a prisão recente do líder da facção Amigos dos Amigos (ADA), Breno da Silva Sousa, o Breno do Guandu.

Os ônibus da Gardel voltaram a circular hoje, normalmente pelo Bairro.

 

COMENTÁRIOS