Pela segunda vez consecutiva a Rede Globo vem à Queimados. Dessa vez o foco foi a Educação. Na noite de ontem (11/7), no RJTV 2, a emissora transmitiu a matéria com a chamada “Ônibus escolares estão há anos sem transportar estudantes em Queimados”.

O apresentador finaliza a chamada dizendo que as informações dadas pelo secretário municipal de educação não condizem com a realidade constatada pela equipe de reportagem do telejornal.

Lenine Lemos, secretário municipal de educação de Queimados, reage à declaração do jornalista. Ele afirma que, dos seis ônibus estacionados no patio da Vila Olímpica, três estão sendo utilizados normalmente pela frota que transporta os alunos e que os mesmos estão em plena condição de uso.

Em relação aos valores citados na reportagem, o secretário apresenta cópias das planilhas encaminhadas pelo Ministério da Educação (MEC), em que constam que os valores de R$ 78 mil são anuais. “Em 2017 tivemos de transferência direta do FNDE o repasse de R$ 63.212,67. Já este ano, só tivemos o repasse de R$ 15.727,69. A variação dos repasses é bem grande, inclusive, este ano, estamos trabalhando com o repasse de R$15.727,69 mais o saldo reprogramado do exercício anterior (2017). Esse recurso pode ser utilizado para as despesas de reparo e manutenção.”

Os três ônibus que aparecerem em estado de sucateamento foram enviados para baixa e/ou manutenção.

Lenine declara estar tranquilo em relação ao trabalho que vem realizando para a melhoria da educação na cidade e ainda relata que irá entrar com uma solicitação de retratação do apresentador Helter Duarte, por ter passado informação não procedente.




COMENTÁRIOS